sexta-feira, 26 de junho de 2009

Sem Confusão

Ai esse amor!
Nasceu há alguns anos
Adormeceu...
Acordou...
Foi descansar...
E tornou a acordar...

Coração ingênuo
Guarda um sentimento tão confuso
Entenda que não daria certo
Mesmo com a sorte por perto

Talvez, esse sofrimento, essa dor
Não seja exatamente amor
Seja só o medo de perder
Alguém como você

Um amigo do amanhã e do agora
Que nos acompanha todas as horas
Nos faz rir à vontade
E sabe manter uma boa amizade

Raíssa Stèphanie



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta, vai... ._. O dedo não cai, não. xD