sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Você Não Vai Voltar


Apesar dos pesares
Eu fui feliz com você
Os seus olhares, os seus sorrisos
Impossível esquecer

Mas por que não deu certo?
Eu estava tão perto de ser feliz
Por que não deu certo?
Eu estava tão perto de ser feliz

Não adianta eu ficar
Tão triste a te esperar
Não adianta eu chorar
Pelo leite a se derramar

Tantos sacrifícios que eu fiz por você
Tudo foi em vão, você nem quis perceber
Mas agora não importa, não vou te esperar
Você nunca me amou e eu sei que nunca vai...

Você não vai voltar
Você não vai me amar
Você não vai nunca se importar
Se estou a te esperar

Tantas vezes eu tentei ajudar você
Mas foi inútil, você nunca quis entender
Que agindo sempre assim nunca vai merecer

O meu amor, o de quem for
Então cresça e apareça
E mais que tudo amadureça

O meu amor, o de quem for
Não me arrependo do que passou
Mas também não vou lamentar
Se você nunca mais vai...

Você não vai voltar
Você não vai me amar
Você não vai nunca se importar
Se estou a te esperar

Você não vai voltar
Você não vai me amar
Você não vai...
Nunca vai voltar
Nem sequer vai me amar


Raíssa Stèphanie

2 comentários:

  1. Ai amiga... É difícil mesmo essa vidinha que temos... Mas a gente tem que se acostumar não é??
    Amiga, espero que seja feliz (mesmo com as suas burradas, como aquela do teatro ontem... Ainda estou meio que com raiva de você!), porque você sabe que a sua amiga Raáh, o Júnior e o Paulo sempre estarão contigo né? Olha o Júnior tá preocupado contigo viu??
    Bjos...

    ResponderExcluir
  2. EU QUERO POSTS!!!
    POSTS!
    POSTS!
    POSTS!!!

    ResponderExcluir

Comenta, vai... ._. O dedo não cai, não. xD