segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Foi Tudo em Vão



Foi tudo em vão

Que eu machuquei meu coração
Eu poderia evitar
O meu sofrer, o meu chorar
Se esse segredo fosse me contar

Evitaria te amar como amei
Evitaria chorar como chorei
Evitaria te amar
Evitaria chorar

Confiei em você
Como jamais confiei em alguém
Dei todos os motivos e provas
Para que você confiasse em mim

No entanto, você me fez isso
O fato de você não me amar é o de menos
Mesmo que me doa, é o de menos
Por que não confiou em mim?
Bastaria contar
Doeria, mas eu te aceitaria assim

Você nunca fez nada por mim
Você só fez me machucar
E eu que fiz tudo pra te defender
Mas você não fez nada para me merecer

Ainda te aceito como és
Mas a falta de confiança ainda machuca
A falta de confiança que você tem
E não só comigo
Com os seus amigos
Com quem só te quer bem

Quão grande é o meu deleite
Pelo segredo que você teima em esconder até então
Amei-te
E machuquei meu coração
E ainda que do jeito que és eu te aceite
De qualquer jeito meu amor foi em vão


Raíssa Stèphanie

Corrosiva


Eu nunca mais voltarei a ser a mesma

Acho que aquela menina totalmente apaixonada não voltará mais
Eu precisava amadurecer e para isso busquei algum remédio
Acho que escolhi o remédio mais corrosivo
E assim tornei-me corrosiva
Não sei se poderei tão logo sentir de novo o amor
E não sei se isso é bom ou ruim
Mas se eu sentir de novo
Será que ainda me machucarei?
Será que felicidade sentirei?
Nenhuma ilusão mais me alegra
Nenhuma me conforta


Raíssa Stèphanie

sábado, 14 de novembro de 2009

O Querer e o Não Poder


Você não é quem eu esperava

Eu não sou quem você esperava
Mesmo que viéssemos a querer
que fôssemos um a outro
o que nós esperávamos

Eu queria poder ser
o homem que você espera
Mas eu não posso!

Eu queria que você pudesse
ser o homem que eu espero
Mas você não pode!

E isso me dói tanto

Mas se houver outra saída
Eu quero poder ser sua companheira
Sua amiga de longa estrada
Você me conhece
Você sabe que isso eu posso ser
Mesmo que eu não possa negar
Que um dia amei demais você


Raíssa Stèphanie


-- # --

Vocês podem ter pensado que eu me equivoquei ao digitar este poema. Mas não! Lê-se homem nos dois casos. No caso de que eu espero um homem e "ele" também espera um homem. 'Oo Longa história! :P

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Nosso amor o/


Eu percebi que o seu amor por mim ainda é o mesmo

Percebi que você ainda é o mesmo

Mas a diferença é que tais coisas evoluíram

O seu amor está ainda mais aparente

Seu jeito de ser está menos tímido, menos fechado

Você sempre foi o que eu sempre quis

Tímido, fechado, quieto, inteligente, esforçado ^^

Gentil, educado, nerdz :P

E que me ama

E eu o amo

Ainda que as circunstâncias não tenham ajudado

Mas depois de tanto tempo sem vê-lo

Agora você voltou

E sei que nossa hora é agora

Você amadureceu socialmente

Eu amadureci interiormente

O tempo que estávamos longe um do outro

Serviu para nós nos prepararmos

Nos reencontrarmos

Para então nosso desejo se realizar

O mesmo sentimento

Os mesmos anseios

As mesmas preocupações com o futuro

O mesmo interesse pelo trabalho e pelo estudo

A mesma dedicação pela nossa doutrina

O mundo flui, e o que está nele evolui ^^

O tempo passou e mais forte está o nosso amor o/


Raíssa Stèphanie


-- # --

Tá, eu sei, esse final foi meio gay -.-
Tá certo! Completamente gay :P