sábado, 31 de julho de 2010

Pobre Cinderella


Sempre e sempre a sorrir, a te alegrar
À espera do príncipe, quão boba tu és
Alimentas-te da esperança de que ele possa voltar

Pobre Cinderella, acorda desse sonho
Já passa da meia noite, prepara-te ao revés
Põe-te de volta a este clamor tão tristonho

Ele não voltará, dou-te meu conselho
Deixa de ser boba, queira isto superar
Por que te repudio? Por que não te deixo amar?
Sofri assim e ainda sofro, a ti me assemelho

Descalça destes utópicos sapatos teus pés
Não queira viver de inúmeras ilusões
Sejamos felizes, ao invés
De querermos maltratar nossos corações


Raíssa Stèphanie

4 comentários:

  1. - Lara Utzig . xD31 de julho de 2010 13:35

    Que coisa liinda, Rah ! *-*

    "Utópicos sapatos" :D

    ResponderExcluir
  2. Cinderella, Cinderella, olhe em volta, sorria e perceba que há outros principes neste vasto reino.


    ;***~

    ResponderExcluir
  3. É amiga, no fundo, todas somos, fomos ou seremos Cinderelas um dia... Afinal, é muito difívil escapar das armadilhas do amor... xD

    Tem post nono no meu bloog, comnta lá tbm

    bjo

    ^^

    ResponderExcluir
  4. sério mesmo que vc tem vergonha de falar com a gente?
    qualé, eu não mordo. nem sou tão chato quanto aparento ser (rsrs).

    sério. fico até meio sem graça de saber que passei do teu lado e não falei ctigo. não precisa ter medo da gente não, sempre ficaremos disponíveis pra conversar c pessoas q ajudam tanto no nosso trabalho de banda sem nos conhecer ou ter algum contato direto.

    e não sabia dessa idéia de fã-clube. porra, mais um motivo pra vc falar com a gente. podemos te ajudar com essas coisas de camisa e o que mais vc precisar quanto a isso. blz?

    ResponderExcluir

Comenta, vai... ._. O dedo não cai, não. xD