quinta-feira, 9 de junho de 2011

Até Parece


Até parece
Que a única culpada fui eu
Que a única ladra fui eu
Que roubou teu coração
Que roubou teu caminhão

Poupe-me
Não se faça de vítima
Não insista

Mude de ideia
Não vou voltar
Não serei mais essa tua Amélia

É mesmo por tu teres mente pequena

Que achas que não pode ter valido a pena

Até parece que menti
Até parece que não senti
Tuas indiretas bobas não vão me fazer voltar
Das tuas correntes já decidi me soltar

Aponte-me quantos dedos puder
Faça os outros acharem o que quiser
Essa culpa já não me atormenta mais
Ponha-se no seu lugar, se assim for capaz


Raíssa Stèphanie

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Covardia


Eu não tive coragem de te falar
Não tive coragem de me arriscar
Então agora já não mereço
E desta culpa eu não me esqueço


Raíssa Stèphanie

Maldito Bilhete


Bilhete de decepções
Que mandas sem se preocupar
Don Juan e suas armações
Com este azul quase a cegar

Vejo-te de volta à ativa
Mas não perdes por esperar
Um dia pagarás tuas faltas
Por ter machucado a todas
Que só quiseram te amar

=/


Raíssa Stèphanie

Imploro-te


Tu que ficas envolvendo-as com estas ilusões
Tu que já me envolveste nessas tuas falsas canções
Imploro-te, não machuque estas lindas flores
Não as alimente fingindo volúpios amores

=/



Raíssa Stèphanie

Girassol


O girassol do seus olhos
Refletem no arco-íris dos meus
Ninguém entendeu
Somente você e eu

rs

/comolidar