quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Sem jeito




Eu tô meio sem jeito
Em mim só vejo defeito
Mas quero criar coragem e mostrar
O que há de profundo em meu peito
E dizer que você é o eleito

Quisera eu poder me declarar
E ouvir de você um: Aceito!

Eu tô meio sem jeito
Queria que você fosse meu par
Mas só de pensar em dizer
Eu já fico toda sem ar

Mas se você me der um sinal
Eu juro que eu até ajeito
Essa profunda vergonha que é o meu mal
E acabo de vez com o meu medo

Mas eu nunca mereci algo assim
Ter em mim algum sonho satisfeito
Espero tanto receber um sim
Mas, eu juro, tô meio sem jeito


Raíssa Stèphanie

sábado, 2 de janeiro de 2016

Eu Vou Sofrer





Eu vou sofrer
Até o último instante desta noite
Quero morrer

Queria ao menos uma palavra
Um veredicto
Mas também não quero

Doeria de qualquer jeito
Esse amor sufoca tanto meu peito


Raíssa Stèphanie

(01/01/2016 00:55)

Dilacerado Coração




Não posso, não quero
Bagunçar sua vida

Se eu não agir
Até assim irão desconfiar
Reluto para que as lágrimas não caiam

É difícil te ter por perto
E não poder te abraçar
Me desculpe
Eu quero chorar

Não consigo te encarar
Dói muito até de pensar
Me desculpe
Eu quero chorar


Raíssa Stèphanie

(01/01/2016 00:48)

Ano Novo, Incertezas Novas




A incerteza desse amor
A incerteza desta noite
Eu não sei o que vai acontecer

Daqui pra frente
Só incertezas em minha mente
Sinto vontade de fugir novamente
Desculpe, vou me perder

Já te perdi


Raíssa Stèphanie

(01/01/2016 00:46)